OPORTUNIDADE PARA CONHECER O TALENTOSO VIOLINISTA BRASILEIRO LUIZ FILIP

Foto: www.filarmonica.art.br:

Luíz Fïlíp será o solista do concerto de Brahms com a Orquestra do Theatro São Pedro sob regência de Júlio Medaglia

Violinista brasileiro residente na Alemanha



Nos dias 11, às 20h30, e 12 de agosto, às 17h, o violinista Luíz Fïlíp estará à frente da Orquestra do Theatro São Pedro (Orthesp), que contará com a regência do Maestro Júlio Medaglia. Ingressos a R$ 20,00 e meia-entrada.

Na ocasião será executado o grandioso concerto para violino de Johannes Brahms, uma das obras máximas da História da Música.

Luíz Fïlíp vive atualmente na Alemanha e esse ano venceu concurso para integrar o naipe do 1º violino da Filarmônica de Berlim. Foi a primeira vez que a orquestra votou em unanimidade para um candidato.
Em julho se apresentou no Festival de Inverno de Campos de Jordão com a Filarmônica de Minas Gerais sob regência de Fábio Mechetti.
O violinista começou a estudar em São Paulo, sua cidade natal, aos 4 anos  tendo como professora a violinista Elisa Fukuda. Aos 16 foi visitar a irmã na Alemanha, a violista Thais Coelho, ocasião em que tocou para o violinista suéco Ulf Wallin, professor do Conservatório Superior de Música Hanns Eisler de Berlim. O professor lhe ofereceu de pronto uma vaga. Seus estudos em Berlim foram possíveis graças a uma bolsa de estudo que conquistou no Festival de Inverno de Campos do Jordão e a bolsa de estudos oferecida pela Fundação Vitae de São Paulo.
Nesse período Luíz Fïlíp se especializou em diversas escolas de música como no Conservatório Real da Suécia, na Universidade de Artes de Berlim e na Academia da Filarmônica de Berlim, tendo aulas com violinistas como Zakhar Bron, Guy Braunstein e Axel Gerhardt. E venceu três concursos internacionais: Henri Marteau, Tibor Varga e Gerhard Taschner.
Luíz Fïlíp integra o renomado grupo de câmara da Filarmônica de Berlim conhecido com o nome de Ensemble Berlin  http://www.ensemble-berlin.de/en/musicians.html que recentemente gravou um CD que será distribuído apenas na Europa e no Japão.
As futuras turnês do grupo incluem concertos com a participação especial da renomada cantora Anne Sophie Von Otter.
No Brasil sua discografia destaca obras de Camargo Guarnieri e Edmundo Villani-Côrtes. Na Alemanha foi o solista do concerto BWV 1043 de Bach sob a direção do célebre regente de música antiga Reinhard Goebel na gravação de um CD distribuído apenas na Alemanha.
Luíz Fïlíp integrou o corpo de professores do Festival de Inverno de Campos do Jordão 2012.
Agenda de concertos como solista no Brasil
Orquestra Sinfônica de Sergipe
Regente Isaac Karabtchevsky
Concerto para violino e orquestra de Tchaikovsky
Dia 13/9

Orquestra Sinfônica do Amazonas
Regente Carlos Prazeres
Concerto para violino e orquestra de Tchaikovsky
Dia 20/9 

Agenda de concertos na Europa com o Ensemble Berlin
7. Oktober 2012 Traunreut, Kulturzentrum K1

14. Oktober 2012 München, Residenzwoche
Konzert mit Richard Strauß  "Ein Bürger als Edelmann"

16.Oktober - 28.Oktober 2012 Japan Tour 2012 
Luíz Fïlíp, natural de São Paulo, reside na Alemanha desde 2001 apresentando-se regularmente em cidades como Berlim, Roma, Tóquio, Tel Aviv e Paris, onde teve o seu debut na série de concertos do Auditorium do Museu do Louvre. Entre seus parceiros de música de câmara figuram Guy Braunstein, Dashin Kashimoto, François Leleux, Gilbert Audin, Amihai Grosz, Wilfried Strehle e participou de vários festivais de música de câmara entre os quais o Festival Rolandseck e o Festival Aix-en- Provence.

Foi membro da Academia da Filarmônica de Berlim, ocasião em que trabalhou sob a batuta dos mais importantes regentes da atualidade.

Em reconhecimento ao seu trabalho foi convidado pelo governo alemão, em 2009, a se apresentar no Palácio Bellevue no encerramento da visita oficial do Presidente do Brasil, Luiz Ignácio Lula da Silva, à Alemanha.

No CD dedicado à música de J. S. Bach, gravado ao vivo na Philharmonie, com a Academia da Filarmônica de Berlim, Luíz Fïlíp atuou como solista do concerto BWV 1043, sob a direção do regente de música antiga Reinhard Goebel.

Gravou um DVD com os três concertos para violino e orquestra do compositor Camargo Guarnieri com a Orquestra Sinfônica do Teatro Municipal de São Paulo, sob a regência de Lutero Rodrigues. Este projeto teve o patrocínio da Petrobras.

Gravou ainda na Alemanha um CD com obras do compositor Edmundo Villani-Côrtes com o pianista Paul Rivinius.
No Brasil, Luíz Fïlíp recebeu diversos prêmios em concursos nacionais. Na Europa foi premiado no 37º Concurso Internacional Tibor Varga, na Suíça, no I Concurso Internacional Henry Marteau, na Alemanha e o primeiro prêmio no Concurso Gerhard Taschner em Berlim.

Luíz Fïlíp iniciou seus estudos de violino aos quatro anos de idade na Escola Fukuda de São Paulo, tendo aulas com a violinista Elisa Fukuda até os 16 anos, ocasião em que se transferiu para a Alemanha com bolsa de estudos oferecida pelo 32º Festival de Inverno de Campos do Jordão e mais tarde com bolsa de estudos oferecida pela Fundação Vitae. Estudou na Hochschule Hanns Eisler e na UdK-Berlin, com Guy Braunstein, concluindo a sua pós-graduação com distinção.

Aperfeiçoou-se ainda na Universidade de Música Pitea, Suécia, com Zakhar Bron. Integra o Ensemble Berlin, grupo de câmara da Filarmônica de Berlim.

Luíz Fïlíp toca num violino Lorenzo Storioni de 1774 pertencente ao Governo Alemão e oferecido pela Deutsche Stiftung Musikleben de Hamburgo.
Serviço:
Concertos da Orquestra do Theatro São Pedro (Orthesp)
Solista: Luíz Fïlíp
11, sábado, às 20h30, e 12, domingo, de agosto, às 17h
Regência: Maestro Júlio Medaglia
Theatro São Pedro
Rua Barra Funda, 171
Barra Funda – São Paulo
Tel: 3667-0499
636 lugares.
Duração: 01:45h
Classificação indicativa: 8 anos
Vendas pela bilheteria e pelo Ingresso Rápido
Horário da bilheteria: De quarta a domingo - Das 14h às 19h ou até o início do espetáculo
Ingressos a R$ 20,00 e meia entrada (R$ 10,00)

Comentários

Postagens mais visitadas